Vantagens e desvantagens em atender por plano de saúde


Atender por plano de saúde hoje em dia pode ser uma ótima oportunidade para os profissionais da saúde por conseguirem um bom retorno em demandas e quantidade. Mas, por outro lado, nem sempre há um retorno financeiro ideal para eles. Saiba então quais são as vantagens e desvantagens em atender por plano de saúde.

Hoje contratar um plano de saúde é uma ótima opção para complementar o serviço prestado, ou pela empresa ou pelo Estado. Em todo o mundo, milhares de pessoas optam pelos planos de saúde porque oferecem serviços para suas necessidades.  Afinal, existem vantagens ou desvantagens ao trabalhar com esse serviço?

Atender por plano de saúde: vale a pena?

É visível a quantidade de pessoas que procuram planos e convênios, principalmente com as crescentes ofertas e promoções, facilidades e benefícios que o atendimento oferece, entre outras coisas. Cada vez mais pacientes aderem ao esquema privado para estes fins.  

Mesmo com tal demanda de pacientes procurando os sistemas de saúde, a vantagem de ser um cooperado, é posta em cheque por muitos profissionais de saúde que ainda se sentem temerários em abraçar esses contratos.

Por isso, os profissionais da saúde sempre se colocam em debates na hora de decidir qual é o caminho mais rentável e conveniente, sem perder a sua qualidade. Como a maioria das clínicas e consultórios trabalham comercialmente com os objetivos de oferecer o melhor que existe em tratamentos de saúde para a população, por que afinal existe alguma resistência?

Da mesma forma, as agências de planos de saúde são também empresas e, evidentemente visam o lucro. Com isso, a visão de negócios delas se configura na necessidade de garantir ótimos e crescentes resultados financeiros. Uma das formas mais tradicionais de manter a lucratividade é baixar os custos e, neste aspecto, os gastos com equipes de profissionais são geralmente contidos.

No entanto, existem planos de saúde que às vezes diferem um do outro, permitindo maior flexibilidade ou adaptação ao profissional. De qualquer forma, neste texto preparamos algumas dicas para que o profissional da saúde possa comparar entre as vantagens e desvantagens de se atender por plano de saúde.

Assim, será muito mais fácil acertar a sua decisão no final e permanecer despreocupado quanto às opções.

Sobre os planos de saúde no Brasil

A história dos planos de saúde e convênios no Brasil possui cerca de 40 anos e só em 1999, que foi elaborada a resolução que regula e regimenta todos os planos de saúde, pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Com o auge do crescimento na década de 1960 as empresas começaram a buscar novas formas de garantir convênios médicos para os seus funcionários, tornando-as distintas das demais. Por muitos anos, sem a regulamentação devida, as empresas continuaram fornecendo convênios e planos, porém, voltadas para seus próprios interesses e, muitas vezes, sem consultar as questões dos profissionais médicos.

Com o passar do tempo, as empresas foram adequando  os planos de saúde, tanto para seus próprios colaboradores quanto para pessoas em geral que buscavam uma alternativa à saúde pública. 

Veja agora o que selecionamos de vantagens em atender por plano de saúde.

Vantagens em atender por plano de saúde

Primeiro deve-se ter em mente que um plano de saúde pode variar de acordo com a empresa, e por esta razão cada ponto deve ser avaliado em particular para tomar a melhor decisão.

1. Empreendedor

Ao abrir um consultório próprio ou ser sócio de uma instituição de saúde, com um acesso para conveniados torna o empreendimento com mais “cara de negócio” sendo, portanto, bem-visto com pelos clientes. Essa boa visibilidade do negócio é que faz o profissional atuar por mais tempo no mercado. O seu nome será vinculado mais rapidamente a uma agência ou empresa de convênios de saúde, aparecerá em catálogos e listas etc. 

Com o tempo, essa publicidade ocorrerá de forma mais orgânica melhorando o fluxo de pacientes e a própria reputação do mesmo.

2. Qualidade no atendimento

Longas filas ou listas de espera que são comumente encontradas nos serviços públicos e gratuitos, são um dos primeiros destaques observados pelos pacientes. O atendimento médico pode ser desfrutado de forma mais eficiente, sendo por isso mais fácil de se adaptar às suas necessidades pessoais ou de trabalho.

Além disso, enquanto no sistema público de saúde não existe a opção de escolher um quarto ou mesmo receber visitas a qualquer momento, no sistema de plano pode-se contar com salas e dispositivos de saúde exclusivos. A vantagem que isso implica, como quartos individuais, com maior tranquilidade e diferentes serviços disponíveis para o paciente, melhoram o ambiente de trabalho do profissional.

Outra vantagem quanto à qualidade é que para quem tem especialização médica, terá mais chance de procura de pacientes que precisam ser tratados em tal especialidade.

3. Garantia de agendas cheias

Os planos de saúde ainda podem contribuir para manter a agenda do profissional mais completa, permitindo uma melhor lucratividade para novos investimentos. Além disso, com a alta demanda na clínica, a popularização do profissional será igualmente garantida.

Os convênios e planos ajudam a elevar de forma ativa e visível a quantidade de pacientes. Com um atendimento de qualidade, para o cliente será a melhor escolha sempre. Uma agenda constantemente sendo movimentada evita dias ociosos, que costumam gerar custos fixos que não podem ser repassados.

Outra lógica da otimização de serviço ao atender por plano de saúde, é que o paciente busca em sua mobilidade, acesso e praticidade. Se ele precisar encontrar um local com diferentes especialistas, essa centralização e organização do atendimento também será bem acolhida.

Com um bom atendimento e com valores competitivos, o paciente dificilmente largará do seu plano de saúde, que apenas contava com o sistema público, por não ter condições de atender toda uma população de forma ágil e com qualidade.

4. Otimização na gestão

O profissional regularmente terá um maior auxílio com a gestão. Isso significa que com, as novas tecnologias de mercado, como aplicativos de prontuários médicos, etc., a gestão e organização das suas atividades no consultório serão facilitadas. Além disso, toda uma rotina de equipe se apresentará disponível em qualquer centro e instituição médica.

Também há casos de terceirizar os serviços de consultas e administração, pelo fato de muitos profissionais não terem tempo ou conhecimento no uso de tecnologias e demais serviços.

5. Fluxo financeiro

Apesar de muitos considerarem o contrário, quanto maior o fluxo de caixa, mais perceptível será a entrada de dinheiro. Com esse fluxo constante, é possível estabelecer uma continuidade longa, o que gerará benefícios financeiros a médio e longo prazo. Na verdade, isto acaba beneficiando ambos, paciente e médico, pois, com a quantidade de consultas que se pode agendar, não necessariamente os custos são tão altos.

O bom fluxo financeiro fideliza pacientes, aumentando, consequentemente o fluxo de caixa. Pelo plano de saúde, o profissional poderá ainda ter em seu benefício, além das consultas de rotina, demais procedimentos relacionados ao seu trabalho.

Isso também significa que em contextos de crise econômica, os pacientes que tinham convênio com planos particulares, depois puderam passar a consultar os mesmos profissionais que atendiam pelo seu plano, uma forma de fidelidade.

Desvantagens em atender por plano de saúde

Mas também existem desvantagens na contratação de um profissional que possa atender por plano de saúde. Em geral, a maioria dos destaques negativos são de informações que a maioria dos profissionais já conhece, como a questão financeira e contratos.

1. Consultas de baixo rendimento

Esta é a principal queixa e desvantagem de atender pelo plano de saúde. O baixo rendimento pago para os médicos tem relação direta com a forma lucrativa das empresas de convênios, como dissemos acima.

É por esta razão que, por anos, os conselhos organizados de medicina vem se unindo para tentar mudar este quadro. Mas, como qualquer outra profissão, existem empresas que pagam bem e outras que transformam a profissão médica em descaso. Existem convênios que oferecem pagamentos praticamente módicos, onde se quer é possível angariar custos fixos que envolvem cada atendimento.

2. Burocracia

Esta é uma outra questão que muitos profissionais acabam se negando a continuar com os planos de saúde. A burocracia acaba por sufocar e dificultar procedimentos que não totalmente desnecessários em cada atendimento. Certos planos exigem validações de alguns tratamentos e até perícias, na qual a remuneração somente é liberada após o atendimento, que demorar de dias a semanas. 

Da mesma forma, é importante antes de atender por plano de saúde, sempre observar bem estes detalhes. Existe no mercado inúmeras formas contratuais que o profissional poderá estudar. 

Assim, para os médicos, atender por plano de saúde, possui vantagens e desvantagens. O profissional deve, neste sentido, optar por aquele que se sinta realmente seguro.

E aí, gostou do artigo? Com essas dicas de vantagens e desvantagens em atender por plano de saúde, você pode escolher com mais segurança, não é verdade? Gostaria de conhecer mais dicas? Faça o curso de pós-graduação da IEFAP e continue aprimorando o seu conhecimento!


Fale Conosco

Iefap - Conheça nossos cursos de Pós-Graduação








Av. Advogado Horácio Raccanello Filho, 5620

Maringá - PR

iefap.cursos@iefap.com.br

(44) 3123-6000

(44) 9 8813.1364