Gestão e planejamento: O que você precisa saber para empreender na medicina


Para se obter sucesso em qualquer empreendimento, é preciso considerar dois aspectos importantes: gestão e planejamento. E no contexto médico, a gestão na medicina é essencial.

É através da gestão, que o médico empreendedor poderá direcionar seus esforços e recursos, de forma assertiva, em prol dos resultados esperados.

É justamente sobre como desenvolver essa gestão e planejamento médico que falaremos ao longo desse artigo, nos acompanhe na leitura:

 

Entenda a importância da gestão em qualquer negócio

 

Mesmo que você seja um excelente médico, com um ótimo currículo e diversas especializações, caso você não desenvolva as habilidades em gestão e planejamento médico, esses fatores não vão determinar o crescimento do seu negócio.

A gestão na medicina engloba toda a rotina de um consultório / clínica / hospital, envolvendo processos de atendimento, processos internos, procedimentos, metodologia, gestão de pessoas, fornecedores, gestão financeira e afins.

E todos esses aspectos precisam ser planejados para gerar os resultados esperados, ou seja, a gestão é a organização do empreendimento, e o planejamento é para determinar como a gestão será realizada.

 

Como implementar o planejamento e gestão na medicina

 

Sabemos que a gestão e o planejamento são um conjunto de práticas que vão levar o seu negócio a alcançar suas metas, e por consequência manter-se no mercado.

Todo médico que deseja empreender na medicina ou até mesmo desempenhar algum cargo de gestão, deve conhecer de forma ampla as práticas de gestão e planejamento necessárias, para se administrar uma empresa nesse setor.

E para auxiliar, selecionamos algumas dicas de boas práticas para gestão altamente efetiva, veja abaixo:

 

– Definir o modelo de negócio

É muito comum no setor da saúde, que médicos realizem parcerias operacionais para abrir consultórios ou até mesmo clínicas médicas.

No início de um empreendimento, é importante definir se a sua atuação como médico será individual, ou se deseja estabelecer parceria com outros profissionais.

Lembrando que em um modelo compartilhado, a gestão e os lucros também serão compartilhados entre os médicos que estiverem inclusos na sociedade.

 

– Área de atuação

Outro passo importante para empreender na medicina, é a definição sobre em qual área de atuação será o foco do negócio.

Isso é essencial para determinar se o atendimento será generalista ou especializado.

Definir a área de atuação é importante pois permitirá que o médico comece a trabalhar sua “reputação” naquele segmento, e construa uma imagem de autoridade em sua área de atuação.

 

– Planejamento financeiro

Mais um aspecto a ser levado em consideração por quem deseja empreender na medicina, é o planejamento financeiro.

Item vital na gestão de todo negócio, o planejamento financeiro permite estabelecer qual será a previsão de arrecadação, e qual serão os gastos.

Todos os dados devem ser registrados por meio de um software ou planilha, e precisam ser acompanhados de forma constante.

A gestão na medicina envolve diversas etapas, listamos aqui apenas algumas das mais importantes.

Porém muitas outras ações estão inclusas no processo de gestão e planejamento de um consultório / clínica médica, por isso é importante pesquisar e estudar muito sobre o tema.

 

– Gestão de Pessoas

Começando pela recepção, analise cuidadosamente o perfil de cada colaborador e conheça suas principais características para ter certeza de que ele trabalhará em prol do desenvolvimento da clínica ou consultório.

Fazer essa gestão, é uma forma de garantir que seus colaboradores estejam ocupando os cargos certos, realizando todas as tarefas, motivados, e, claro, atendendo bem seus pacientes.

Outro ponto muito importante é Invistir continuamente no desenvolvimento profissional da sua equipe. Não há nada que motive mais um trabalhador do que saber que o seu gestor se preocupa com o aprimoramento das suas habilidades.

 

Elabore um plano de carreira para seus colaboradores, e promova constantemente a atualização dos conhecimentos da equipe.

 

– Gestão de Fornecedores

 

É muito importante manter um bom relacionamento com fornecedores, essa relação é uma ótima estratégia para negociar preços e prazos, colaborando com a saúde financeira do consultório.

Você deve enxergar seus fornecedores como parceiros que vão ajudar a alavancar seus resultados e ter destaque no mercado.

Esteja bem próximo aos fornecedores e fortaleça essa comunicação com eles sempre que possível.

 

– Gestão de Processos

 

Uma gestão de processos eficaz em consultórios e clínicas médicas é fundamental para o controle e organização das atividades do ambiente, bem como, para os resultados financeiros do negócio.

Uma boa gestão de processos possibilita uma melhor agilidade em procedimentos, melhora a qualidade da consulta, otimiza o tempo dos serviços prestados, aumenta a produtividade da equipe, diminui o índice de erros, reduz custos do consultório.

A gestão de processos é um assunto bem vasto e conta com diversas etapas para serem aplicadas de forma eficaz, por isso lá em nosso blog temos um artigo completo sobre o tema:

https://www.iefapcursos.com.br/materias/clinicas-e-consultorios-medicos-gestao-de-processos/

 

Fazer essa gestão em sua clínica ou consultório médico pode ser bastante desafiador. No entanto, quando seguimos adequadamente boas práticas, conduzimos nosso negócio com mais efetividade para o sucesso.

Deixar de observar essas boas práticas pode, realmente, fazer com que percamos o nosso investimento sem que tenhamos o retorno esperado e a consolidação do nosso consultório.

Nos vemos no próximo artigo, até mais!


Fale Conosco

Iefap - Conheça nossos cursos de Pós-Graduação







    Avenida Advogado Horácio Raccanello Filho, 5570 - Ed. São Bento Sala 1002

    Maringá - PR

    contato@iefap.com.br

    (44) 3346-3500

    (44) 9 8813.1364

    Tem dúvida? Fale conosco!