Como escolher a área de especialização em Enfermagem?


Se você deseja se preparar para conseguir uma boa colocação no mercado de trabalho, a especialização em Enfermagem é um bom caminho. Neste artigo tiraremos todas as suas dúvidas para que você possa descobrir qual a especialização em Enfermagem que mais tem a ver com a sua personalidade.

As especializações em Enfermagem são variadas. Na verdade, o título de enfermeiro especialista, que é emitido pelo Ministério da Educação, é válido para todo o território nacional. No entanto, nem todas as pessoas têm de fazer a mesma especialidade. E não precisa, afinal, a Enfermagem tem várias especialidades diferentes.

A importância de uma especialização em Enfermagem

Quando se estuda uma área da saúde, muitos estudantes dizem: “eu gostaria de trabalhar na UTI ou no setor de emergência”. E ao fazerem um procedimento mais prático, acabam descobrindo que a sua especialidade de Enfermagem ideal é totalmente diferente daquela que eles pensavam.

A especialização em Enfermagem é fundamental para que o sistema de saúde funcione bem. Existe uma enorme variedade de áreas médicas e cada uma delas é essencial para o bom atendimento e para o avanço da medicina, em geral. Todos essas áreas exigem um serviço de Enfermagem competente e eficaz. Sem as contribuições das várias especializações em Enfermagem, os médicos e outros especialistas ficariam sobrecarregados.

Assim, deve-se valorizar ainda mais o importante trabalho que é feito na Enfermagem e em todas as suas especialidades. Há uma ampla gama de especializações em Enfermagem para todos aqueles que se interessam ​​em ingressar nesta profissão. Agora é a sua vez de escolher uma especialidade e ter uma boa ideia das áreas da Enfermagem que existem no mundo da medicina que você se interessa.

Ainda não sabe qual especialidade você vai escolher? Veja essas dicas!

>>>Pós-Graduação: 5 respostas que você deve saber antes de se matricular
>>>Como uma Pós-Graduação pode contribuir na sua carreira? Conheça 3 vantagens de se tornar um especialista

Hoje, a profissão de enfermeiro vem ganhando cada vez mais importância nos últimos anos e por isso, abre-se o leque para novas oportunidades. Com o desenvolvimento dessas áreas da medicina, estar capacitado para trabalhar neste cenário, com uma pós-graduação em Enfermagem, você estará realmente no lugar certo.

Optar por uma especialização em Enfermagem é uma decisão que demanda atenção e reflexão. Por esta razão, selecionamos as áreas em que você pode se tornar um especialista com um bom currículo.

Essa profissão é tão importante porque o enfermeiro é o profissional de saúde que tem mais contato com o paciente e estabelece uma relação mais direta com ele. Na verdade, o enfermeiro é responsável por muitos procedimentos com o paciente, como a sua alimentação, a sua higiene e a sua medicação. 

Optar pela especialização é manter-se em contínua atualização sobre a área de atuação escolhida, de forma a ampliar e reciclar seus conhecimentos. Hoje em dia, quem não tem especialização, acaba se tornando obsoleto em um mundo cada vez mais competitivo e com áreas específicas no mercado de trabalho.

Escolha a sua especialização em Enfermagem

Uma profissão de sucesso exige uma orientação educacional que leve tempo e dedicação. O campo da Enfermagem é amplo e faz com que os profissionais possam atuar em distintas áreas. Assim, logo abaixo selecionamos para você 7 especializações em Enfermagem que estão em alta.

Para ajudá-lo a se decidir sobre qual especialização em Enfermagem fazer, veja atentamente as alternativas mais interessantes para o seu objetivo. Mas antes disso, você deve saber que existem duas classificações para os diversos tipos de pós-graduação e especialização em Enfermagem:

  • Cursos de lato sensu: MBA e especializações.
  • Cursos de stricto sensu: mestrado e doutorado.

Mais especificamente para o mercado de trabalho, os cursos de lato sensu seriam os mais adequados, porque o seu formato, além de focar na prática, se insere mais rapidamente em uma rotina diária.

Por outro lado, o curso de stricto sensu se revela útil para aqueles que buscam uma pós-graduação em Enfermagem pela importância teórica, na atualização e desenvolvimento da medicina como um todo. Quem tem um mestrado ou doutorado pode, inclusive, dar aulas, qualificando-se e capacitando outros profissionais.

Agora confira as principais áreas de especialização em Enfermagem.

Cuidados paliativos

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o curso de Cuidados Paliativos é focado para a melhoria da qualidade de vida de familiares e pacientes que passaram ou lidam com doenças crônicas. A ideia é prevenir e diminuir o sofrimento destes, identificando previamente os seus sintomas.

Por estas qualidades, a especialização em Cuidados Paliativos é muito procurada e ela capacita os profissionais a trabalharem dentro de perspectivas hospitalares, ambulatoriais, em atendimentos domiciliares etc. Em geral, o perfil dos estudantes que buscam essa área de Cuidados Paliativos envolve nutricionistas, enfermeiros, terapeutas ocupacionais, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, psicólogos, entre outros.

Eles aprendem na matriz curricular:

  • aspectos organizacionais dos serviços de UTI;
  • urgência e emergência;
  • sistematização da assistência de Enfermagem em pacientes;
  • gestão, técnicas e tecnologias em UTI;
  • interpretação de exames laboratoriais e diagnóstico por imagem; 
  • enfermagem neonatal e pediátrica.

Enfermagem Cirúrgica

De grande procura por parte dos enfermeiros, pois, estes são fundamentais nas cirurgias. A sua função é dar apoio a equipe médica que executa os procedimentos cirúrgicos por meio dos protocolos de preparação dos materiais e outros serviços indispensáveis na sala de operação.

O papel do enfermeiro é prestar assistência integral tanto aos médicos quanto aos pacientes, no sentido de obter conhecimento suficiente sobre a internação hospitalar em unidades de cirúrgica ou clínica.

Enfermagem e Nefrologia

Na especialização em Enfermagem voltada para a área da Nefrologia, o profissional se especializa no cuidado de pacientes que estão sendo tratados por hemodiálise, diálise peritoneal e transplantes. 

Como o paciente necessita de acompanhamento após a cirurgia, há uma lista de transplantes que exige apoio psicológico e períodos de recuperação. Por isso, o profissional em Nefrologia deve oferecer um alto nível de especialização para que possa ter embasamento teórico e poder realizar um bom acompanhamento. 

Enfermagem Geriátrica

A pós-graduação em Geriatria se baseia no atendimento aos idosos, onde o enfermeiro atua no tratamento e acompanhamento dos seus pacientes. Neste estudo, ele saberá a fundo o universo da fisiologia e da anatomia humana. 

Com esta especialização, o enfermeiro também pode atuar em hospitais, casas de apoio, como consultor. Ele direcionará seus cuidados para os procedimentos ideais para o tratamento com idosos.

Enfermagem Oncológica

Especialmente voltada para as técnicas de cuidados com os pacientes com câncer. Exige do profissional um comportamento ético e de respeito no relacionar-se junto ao tratamento com os pacientes. Em geral, como são tratamentos de longa duração, o profissional dever prestar auxílio técnico e psicológico.

Enfermagem em Cardiologia

Hoje, a Cardiologia exige bastante do profissional e o enfermeiro que passa a atuar nessa área tem de trabalhar com casos graves, que demandam de muita atenção. Com a especialização em Cardiologia, o profissional adquirirá muito conhecimento técnico e científico. Ele irá ampliar a sua visão e experiência, podendo administrar, orientar e supervisionar muitas tarefas cardiológicas.

Enfermagem em UTI, Urgência e Emergência

O trabalho do enfermeiro na gerência de pacientes em estados críticos, exige que tenha conhecimento sobre as necessidades complexas que devem ser atendidas. Deverá ter muito conhecimento teórico e científico, manejo tecnológico e práticas interdisciplinares ligadas à humanização.

O enfermeiro nas emergências geralmente atua na assistência e cuidados de riscos dos pacientes de acordo com a sua gravidade patológica. O enfermeiro que atua em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), também é chamado de intensivista, por razão de seu trabalho ser considerado complexo e intenso.

Viu como é extremamente importante essa área de especialização? A sua formação profissional depende da sua escolha. É claro que existem mais áreas, estas são as principais. Mas antes de se decidir por uma, saiba que você deve considerar alguns aspectos importantes:

  • Quais são seus objetivos pessoais e profissionais?
  • Nem todo caminho é válido, saiba diferenciar o seu perfil.
  • Faça uma análise dos cursos.
  • Para qual tipo de trabalho você pretende se aproximar: concurso público, pesquisa, gestão?
  • Tem afinidade com o tema?
  • Analisou a reputação do curso e da instituição?

Estas são algumas das dicas que são importantes na hora de se decidir por uma especialização em Enfermagem.

Quando se conhece um pouco mais sobre a forma de trabalho dessas diversas especializações que existem, o estudante com certeza conseguirá obter uma pós-graduação em Enfermagem muito próxima ao que deseja. 

Nesse cenário de rápidas inovações no conhecimento, a pós-graduação em Enfermagem continua se firmando como uma forma ideal de continuar estudando e se capacitando. Afinal de contas, além de ser uma oportunidade e experiência fantástica, aprofundar conhecimentos para o mercado de trabalho é garantir seu sucesso!

Gostou deste artigo? Quer saber mais sobre especializações em Enfermagem? Já sabe qual é a melhor especialização em Enfermagem? Aproveite estas dicas e se inscreva em um curso de Pós-Graduação do IEFAP!


Fale Conosco

Iefap - Conheça nossos cursos de Pós-Graduação








Av. Advogado Horácio Raccanello Filho, 5620

Maringá - PR

iefap.cursos@iefap.com.br

(44) 3123-6000

(44) 9 8813.1364